ECLECTIC GRAMPA- A LIBERDADE E O CONFORTO ESTÃO NA MODA

A cada nova tendência estética que surge, percebemos como a moda está dando prioridade ao conforto e às produções que conseguem unir estilo e praticidade para o dia a dia. Nomeada de Eclectic Grampa, essa nova trend retoma peças que sempre associamos aos nossos vovôs e as incorpora na moda contemporânea.

Com um caráter democrático, os códigos que representam essa estética passeiam entre os gêneros, com um perfil versátil que chega para agradar a todos os públicos, com peças que provavelmente já fazem parte do seu guarda-roupa. Além disso, uma pegada mais vintage prevalece aqui como um modo particular de se vestir, misturando códigos de diversas épocas diferentes, desde estéticas mais voltadas para aquele preppy bem menininha até as peças mais artesanais trabalhadas com o crochê e o tricô.

Priorizando o conforto e o estilo, as produções do streetwear que acompanhamos com essa estética são marcadas por itens funcionais e práticos, como coletes, jaquetas utilitárias mais desgastadas, blazers e terninhos em tweed, combinados principalmente com calças jeans naquele modelo mais reto. As texturas aqui também ganham destaque: a camurça, o veludo e as peças em tricô tornam-se fortes apostas para esse estilo, que traz uma valorização dos tens artesanais. Já o styling dessas produções também é marcado por itens com esse ar retrô; para os sapatos, as opções mais escolhidas são as clogs e loafers; já com os acessórios, a atenção se volta para os bonés, lenços e óculos de sol vintages

É super possível dosar a irreverência dessa estética de acordo com a sua preferência, o que a torna muito versátil e segura para quem quer se jogar nos looks práticos, mas sem abrir mão de um estilo único. Vocês gostam dessa tendência? Me contem!

Beijos, Lalá.

DIRETAMENTE DO BRASIL PARA O MUNDO- AS HAVAIANAS CONQUISTAM O VERÃO

A chegada do verão marca a ascensão de peças que trazem a combinação de estilo e conforto. Acompanhando esse momento, já passamos a observar a volta dos sapatos em modelo flat e, agora, também entra na lista de tendências as nossas já bem conhecidas Havaianas! Coloridas e estampadas, tudo indica que elas já ocupam um lugar de preferência na composição de visuais de todos os estilos.

Mesmo com o modelo de chinelo já em alta, o que tornou o hype das Havaianas ainda maior foi, com certeza, a colaboração com a grife Dolce & Gabbana, combinando a nossa brasilidade com a essência extravagante italiana. Aplicando as estampas de animais nos modelos mais clássicos, assim como as majólicas italianas e os códigos carregados de cores característicos do carretto siciliano, junto com detalhes especiais, como pins perolados da D&G, logotipos metálicos e tiras de veludo, agregando um tom luxuoso aos nossos chinelos que sempre foram uma referência de acessório democrático.

Agora, começamos a observar essa peça em looks bem urbanos, marcando principalmente o streetstyle de verão e, talvez, poderemos ver até mesmo em outras estações com propostas casuais, com saias, shorts e camisetas, e também em produções mais sofisticadas, com calças de alfaiataria, blazers e camisas sociais. As apostas para os sapatos se voltam principalmente para os modelos mais coloridos, como uma forma de agregar ainda mais detalhes ao look, mas também aparecem em outros formatos, como plataforma e no modelo de kitten heels, que já marcava os desfiles de verão de maisons como Chanel e Miu Miu, provando que essa tendência veio para ficar!

A chegada dessa tendência nos revela o desejo crescente de achar o equilíbrio entre estilo e produções confortáveis, algo que após a pandemia estamos vivenciando cada vez mais. Assim, esse boom de modelos flats acaba se tornando um símbolo desse movimento entre a moda e o conforto para o dia a dia.

Beijos, Lalá. 

AS CORES MAIS QUENTES DE 2024- OS TONS QUE ESTÃO CARIMBANDO O STREET STYLE DE VERÃO

No início do ano, a Pantone declarou que a cor de 2024 seria o Peach Fuzz. O tom suave que traz uma sensação de conforto e delicadeza já apareceu em várias áreas, porém no universo da moda, outras cores estão roubando a cena durante o verão europeu e se tornando as principais tendências de 2024. Vamos conferir?

Começando pelas cores mais neutras, o branco e o marrom estão dominando as peças e produções de moda. Os vestidos de cintura baixa, que já são tendência, aparecem principalmente na cor branca com pouca variação, geralmente adotando um tom mais brilhante e perolado. O marrom também tem se destacado nos últimos desfiles e marca presença nas peças que revivem a moda dos anos 90 para o streetstyle atual, como jaquetas de couro desgastadas, padronagens de xadrez, coletes e calças com um ar mais vintage.

Já indo para os tons mais coloridos, o amarelo amanteigado, o azul bebê e o verde oliva realmente chegaram para marcar o ano, tanto no inverno quanto agora no verão. Essas cores entram em ascensão justamente pelo seu caráter menos vibrante, sendo uma boa aposta para quem quer começar a adotar um pouco mais de cor no guarda-roupa. Apesar de polêmico, o amarelo aparece bastante nos vestidos e saias de verão, trazendo um ar leve e delicado às produções. Já o azul bebê é marcado principalmente pela lavagem mais clara dos jeans, que é outra tendência que está tomando conta da moda street. O verde oliva, apesar de ser um tom um pouco mais sóbrio do que os outros dois, também marca muitos visuais, tanto nos vestidos quanto em looks com uma vibe mais tomboy, com os jorts destroyed e calças com lavagens mais manchadas.

Confesso que acho uma graça esses tons mais doces, misturando um toque de delicadeza com produções super descoladas e sofisticadas. Muito lindo! O que vocês acham?

Beijos, Lalá

A APOSTA VERSÁTIL E ATEMPORAL DO VERÃO EUROPEU  

Como tudo na moda é cíclico, tendências vêm e vão. Entretanto, algumas peças se tornam clássicas e atemporais, tornando-se itens essenciais em todos os guarda-roupas e estilos. E agora a tendência é o jeans, a peça que teve origem com os trabalhadores e hoje se faz presente na vida de todo mundo como um dos itens mais democráticos da moda.

Com uma longa história na cena fashion, o jeans teve sua primeira aparição em Nimes, na França, em 1792. Usado principalmente para as roupas dos trabalhadores do campo e para os marinheiros vestirem durante as viagens, devido à característica mais rígida do tecido, que na época era tingido principalmente de marrom. Alguns anos depois, este chamou a atenção do alemão Levi Strauss, que adaptou o denim como uniforme dos mineradores, criando uma versão mais confortável e maleável, sem perder a sua durabilidade. Nascia assim, em 1860, a primeira calça Levi’s, que se tornou uma peça super comercial e, ao longo dos anos, passou a ganhar ainda mais popularidade.

Agora, falando do verão europeu, o jeans volta com tudo no streetstyle, tanto no seu tingimento azul clássico quanto em outras variações do tom! Marcando presença nos vestidos, calças, bermudas e até mesmo nos looks all denim. Já o styling fica marcado pelos saltos mais delicados, óculos de sol maximalistas e muitos acessórios, trazendo ainda mais informação de moda para os looks. Apesar da tendência estar acontecendo lá no verão europeu, nós também podemos adaptar o jeans para a chegada do inverno aqui no Brasil, justamente por ser super adaptável e também uma ótima aposta para nos mantermos aquecidos durante as temperaturas mais baixas.

Quem não ama um jeans, não é mesmo? Já separaram aquela peça icônica do guarda-roupa para usar? Eu confesso que amo e não abro mão das peças vintages, que juntam muito estilo e conforto, tanto para o dia a dia quanto para as ocasiões mais especiais!

Beijos, Lalá.

ATEMPORAL E CLÁSSICO – O XADREZ É A TENDÊNCIA DO INVERNO

Com a chegada do inverno, a volta do xadrez já era esperada. Entretanto, dessa vez podemos esquecer apenas os casacos de lã e as padronagens neutras; agora ele volta com muitas variedades de cores e em diversos padrões diferentes. Atemporal e estiloso, ele é uma aposta forte para o nosso inverno e também para o verão do hemisfério norte.

A padronagem, sempre associada ao movimento punk nos anos 70 e ao grunge dos anos 90, surgiu mesmo na antiguidade com os celtas, que usavam as lãs para tecer formas geométricas, chegando alguns anos depois até os escoceses no século 16, onde ganhou popularidade com os famosos “kilts”, saias construídas para se proteger do frio e criadas com a padronagem mais clássica do xadrez, o Tartan, que aparecia sempre em vermelho e preto. Com o passar do tempo, a padronagem foi sofrendo adaptações e passando a ser usada por diversos outros grupos, tornando-se super versátil, atemporal e passeando por vários estilos.

Já agora, no streetwear, as produções variam entre muitos estilos diferentes. Combinações com inspiração no grunge, preppy e até mesmo looks com uma pegada mais geek chic carimbam as ruas. As padronagens do xadrez também variam entre o tartan, o romântico vichy e o argyle, com losangos e sobreposições de linhas diagonais. Porém, todas com uma estética mais maximalista, misturando tecidos, sobreposições de peças e cores diferentes. O xadrez é super atemporal e estiloso e, como uma terceira peça e com acessórios diferentes, ele pode dar aquele toque fashion em qualquer look, agregando ainda mais informação de moda.

Não tem como negar que o xadrez é muito democrático! Dos looks casuais aos mais sociais com alfaiataria, ele cumpre qualquer função, seja para esquentar o corpo ou dar um toque a mais no visual. Tudo indica que as peças nessa padronagem serão a “It Piece” do momento. Eu amo! Ainda mais por trazer a possibilidade de criarmos produções elegantes, únicas e super descoladas com elas. E vocês? O que acham?

Beijos, Lalá.